Flora


A prosa poética de Bartolomeu Campos de Queirós e sua maestria em brincar com as metáforas, unidas às ilustrações cheias de sentimentos e traços únicos que une desenho, pintura e colagem de de Ellen Pestili nos apresentando Flora é um verdadeiro convite ao encantamento que a leitura literária nos proporciona, de um modo bem particular assim como só Bartolomeu nos permite alcançar. Publicado pela Editora Global, Flora representa todo o amor e admiração que alguém possa sentir pela natureza, pelas sementes, pelas coisas da vida e pelo ciclo que se renova a cada germinação e que não se encerra com o surgir dos frutos. O mistério que mora dentro de cada semente que um dia se tornará jardim, pomar ou uma floresta inteira sob o olhar doce e cauteloso de uma menina encantadora que carrega na palma de sua mão as sementes que um dia anseia ver brotar mas que sabe respeitar o desabrochar e o tempo de cada uma delas. Somos como sementes, não podemos adivinhar o futuro, não podemos prever nossos desfechos e nem sabemos qual verdade vamos deixar como frutos. Mas sabemos que enquanto grãos temos todas as histórias. Prepare-se para encontrar em cada página, ensinamentos de vida que abrigam-se nas entrelinhas e adentram nos mistérios e na essência de vida. Pois ela não termina quando se apodrece, não se encerra quando não se é mais semente ou quando já nos tornamos árvores, pois fazemos parte do ciclo da vida e o que foi escrito por nós não se apaga. Estou ainda sob forte encantamento....


 Posts recentes

© 2016 by Brincando e Contando

  • Black Twitter Icon
  • Black Facebook Icon
  • Black Instagram Icon