Débora Garofalo


Quem pensa que o Brasil não tem jeito não sabe a força que uma professora ou um professor tem. Digo, professores que acreditam em uma educação transformadora, que acreditam nos seus alunos e principalmente, professores corajosos. Ser professor não é apenas limitar-se às paredes da escola ou estar somente para os conteúdos e provas, ser professor é algo muito mais além, é ter fé nas pessoas, é ser um instrumento de motivação na vida de alguém, é ter um amor inexplicável pelo outro. Débora Garofalo é uma dessas professoras que não deu ouvidos ao pessimismo, que entendeu que mesmo que não queiram ajudar ou não acreditem no que você é capaz de fazer, é preciso seguir. Acreditando em si e confiando nos que precisam de sua coragem.


O livro "Débora Garofalo" escrito por Cristiane Boneto e ilustrado por Gabriela Gil da série "Siga o Mestre" publicado pela Editora Carochinha traz a biografia da professora que ficou mundialmente conhecida ao desenvolver um projeto de robótica com sucata em uma escola da periferia de São Paulo. Contando desde o seu nascimento até os vários títulos e prêmios que recebeu, o livro traz uma linguagem prazerosa para leitores de todas as idades. Com verbetes de dicionário, recortes de curiosidades e ilustrações divertidas e tão lindas quanto a história de Débora, o livro é inspiração para nós, professores, para que nunca percamos a fé e o amor por nossa profissão e jamais a admiração por nossos alunos.


Débora desde pequena amava desmontar e montar as coisas. Já seria um sinal do que ela seria capaz de fazer? Também já tinha paixão por ensinar aos outros.





Estando sempre divida entre a vida pessoal e a vida profissional, Débora conseguiu trilhar um caminho cheio de conquistas, e o melhor, sempre pensando no crescimento, desenvolvimento e aprendizado de seus alunos.




Uma história para encorajar professores e nos fazer acreditar em um mundo melhor. Um livro para inspirar os jovens a crer que ser professor ainda vale muito a pena em um país que urgentemente precisa de pessoas que sejam luz na vida de outras. Sou professora também e aprendi com Débora a amar ainda mais o que faço, a ser "atrevida" e buscar a transformação.



 Posts recentes

© 2016 by Brincando e Contando

  • Black Twitter Icon
  • Black Facebook Icon
  • Black Instagram Icon