O Menino Invisível



"O Menino Invisível" é um livro que mexe com nosso entendimento enquanto cidadãos, com a nossa percepção de viver em sociedade e com o nosso olhar que muitas vezes se perde no egoísmo e no individualismo instaurado no meio social. Escrito por Hugo Barros e lindamente ilustrado por Camila Santos, a Siren, o livro foi publicado com todo o cuidado pela Editora Peirópolis para comover e ressignificar o olhar do leitor para a situação de risco social em que muitas crianças e adolescente se encontram.

Mino tem o poder da invisibilidade, pode até ficar meses sem ser visto. Como toda criança pensa, fazer muitas coisas que ninguém pode ver pode ser bem legal.

Quando se é invisível é possível usar roupas estranhas, tirar meleca do nariz, fazer bagunça na biblioteca e até no chafariz tomar banho que ninguém vai perceber.

Apesar de parecer divertido, ser invisível exige muita coragem e heroísmo. É preciso lutar contra os inimigos mais reais e as dores mais torturantes.

Mino além de ser um herói invisível é também um grande sonhador e vai aprender o quanto sua coragem pode levá-lo por caminhos incríveis. Será que Mino ainda vai ser invisível por muito tempo?


Quem acha que ser invisível é algo impossível, basta caminhar um pouco pelas ruas das grandes cidades para acreditar que a invisibilidade existe e está entre nós. Meninos e meninas invisíveis caminham entre o vai e vem das pessoas e vivem todos os dias como grandes heróis que lutam pela própria sobrevivência. Difícil falar do modo como o livro penetra em nossa alma e revira nosso íntimo. A leitura do livro nos leva a percorrer por três estágios de percepção. Primeiro nos mostra uma ludicidade e diversão que é peculiar a toda criança. Depois ele nos provoca um incômodo que nos inquieta e aflige. Por fim, seu desfecho é arrebatador e nos conforta com sua mensagem de esperança e empatia. O livro impresso nasceu a partir de um projeto que visa o incentivo à leitura chamado Livro de Rua. O projeto fica em Brasília onde existe um muro todo grafitado com a história do menino invisível para que todos possam apreciar e refletir, democratizando assim a leitura. O projeto é idealizado pelo autor.

Para adquiri esse livro que foi o primeiro do mundo impresso em um muro e depois tomou vida nas páginas em papel clique aqui


 Posts recentes

© 2016 by Brincando e Contando

  • Black Twitter Icon
  • Black Facebook Icon
  • Black Instagram Icon