Sonhos de Mel


Quem gosta de ir a uma feira aí levanta a mão? Feira daquelas que vende de tudo e que tem gente pra lá e pra cá, gente feliz a cantar e viver a vida numa boa! Tão bom não é? Saímos com as sacolas cheias e o coração aquecido de tanto calor humano. Livro: Sonhos de Mel Texto e ilustrações: Nana Lacerda e Bruno Monteiro Editora Imeph Vamos a 25 de Mato! Na 25 de Mato tem um louva-deus pintor de caricatura, tem a lagarta vendendo bijuterias, tem a lesma vendendo gel de cabelo e o bicho-da-seda vendendo travesseiros ultramacios. Os feirantes trabalham com muita alegria e também com muita responsabilidade.

Do outro lado estão as abelhas, muito disciplinadas e rígidas com o trabalho regrado da colméia. Sempre sérias e parecem nunca se divertir porque precisam ser extremamente obedientes e não aceitam nada fora da programação ao ponto de se tornarem intolerantes.


Cada um para seu lado, feirantes e abelhas. Mas o nascimento de uma pequena abelhinha de bolinhas pretas (não são listras!) que já nasceu com vontade de ser livre, muda toda a rotina e a perspectiva sobre trabalho e lazer.

Leitura que começa chamando atenção para o divertido e termina com uma lição arrebatadora! Uau! Liberdade e falta de responsabilidade não combinam, assim como se dedicar a uma vida só de trabalho e esquecer o sentido de viver tranquilo e feliz também não vale a pena. Coisas que não se misturam, se equilibram! "A liberdade é o máximo,mas tem seu preço... O complexo é simples; façam significar!" O livro é todo completo em beleza. Capa dura, acompanha um CD com as músicas citadas no livro e ainda traz uma receita de dar água na boca! Leitura doce feito Mel

 Posts recentes

© 2016 by Brincando e Contando

  • Black Twitter Icon
  • Black Facebook Icon
  • Black Instagram Icon